Real e realidades híbridas: Herberto Helder entre a pedagogia e o crime

Resumo

A partir de uma problematização dos limites dos gêneros e subgêneros discursivos, este ensaio levanta algumas questões acerca do estatuto que a noção de representação desempenha em Herberto Helder. Com o objetivo de situar a sua posição literária numa discussão contemporânea mais abrangente, que possa sondar as implicações éticas subjacentes a uma não planificação da realidade – em termos pedagógicos –, tomo como mote uma leitura de “Aprender ou não”, crônica jornalística escrita em 1971, postumamente publicada em livro.

Como Citar
Joaquim, A. C. (2019). Real e realidades híbridas: Herberto Helder entre a pedagogia e o crime. ELyra: Revista Da Rede Internacional Lyracompoetics, (13), 169-189. Obtido de https://elyra.org/index.php/elyra/article/view/286